Todo cuidado é pouco para os ciclistas

A cada dia, nove ciclistas vão para hospitais públicos vítimas de acidentes de trânsito no Estado. A cada dois dias, pelo menos um deles morre. Os dados da Secretária de Estado da Saúde de São Paulo assustam? Pois essa é a realidade nas ruas e avenidas. Independentemente de como o ciclista faz uso da bicicleta, é fundamental não sair de casa sem os equipamentos de segurança, fazer checkup na magrela e ficar bem atento. "Não abusar da velocidade, não andar na contramão, manter-se próximo à calçada e não usar fone de ouvido são cuidados fundamentais", diz o professor Timóteo Araújo, do Celafiscs.

Confira mais dicas:

– Reduza a velocidade antes de mudar de pista (olhe para trás e sinalize com as mãos a manobra), nos cruzamentos e curvas.

– Fique mais atento quando a pista estiver molhada ou com manchas de óleo.

– Sempre que houver, utilize ciclovias e acostamento. As calçadas são para o pedestre.

– Nunca segure-se ou apóie-se em outros veículos.

– Mantenha as duas mãos no guidão, tirando somente para sinalizar manobras.

– Ao atravessar a faixa de pedestre ou andar na calçada, desça da bicicleta.

– Se pedalar de mochila cuidado com o peso; se estiver muito pesada pode colocar o ciclista em risco ao fazer uma curva e perder o equilíbrio.

– Use roupas com cores luminosas, principalmente a noite.

– Cuide da calibragem dos pneus.

– Mantenha os freios regulados.

– Confira se as peças estão firmes.

– Leve a bike para revisões periódicas.

– Lubrifique regularamente a corrente.

 

FONTE: dgabc.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s